Fortalecendo sua defesa digital contra o crime cibernético em ataques de engenharia social - Minuto da Cibernética


Fortalecendo sua defesa digital contra o crime cibernético em ataques de engenharia social


Em um mundo cada vez mais digitalizado, a segurança cibernética tornou-se uma preocupação central para empresas, governos e indivíduos. Diante disso, é essencial adotar medidas proativas para fortalecer nossa defesa digital contra ameaças crescentes, desde o roubo de dados pessoais até ataques de ransomware devastadores.

Neste bate-papo, Fabian Antunes da NGSX conversa com Nestor Lana que é especialista em segurança da informação no Comando de Defesa Cibernética do Exército Brasileiro.

Uma das iniciativas recentes no Brasil para proteger os cidadãos é o uso de aplicativos do gov.br, como o de prova de vida, que não apenas simplifica procedimentos burocráticos, mas também reduz o risco de fraudes ao garantir a autenticidade dos usuários.



Além disso, a implementação da Redesim tem sido crucial para evitar a abertura de empresas usando CPF de forma indevida, minimizando casos de falsificação de identidade.

No entanto, mesmo com esses avanços, os indivíduos devem permanecer vigilantes em relação à segurança de suas informações financeiras. Verificar o registrato com dados de PIX, empréstimos, contas bancárias e até mesmo transações de câmbio pode ajudar a detectar atividades suspeitas e agir rapidamente para proteger seus recursos.

No ambiente corporativo, uma prática emergente é incentivar as empresas a investirem em aplicativos e antivírus para os funcionários, impedindo o uso de dispositivos pessoais para acessar documentos sensíveis da empresa.



Essa medida não apenas protege os dados corporativos, mas também reduz o risco de violações de segurança decorrentes de dispositivos não gerenciados.

Outra tendência preocupante é o aumento do ransomware, onde hackers bloqueiam o acesso aos sistemas de uma organização e exigem pagamento para restaurá-lo. Anteriormente, os hackers visavam principalmente software ilegal, mas agora estão mirando empresas de todos os portes, buscando lucros substanciais com resgates.

Para mitigar esses riscos, é fundamental implementar medidas robustas de segurança, como a autenticação de dois fatores (2FA), que adiciona uma camada extra de proteção aos sistemas e contas online.

Além disso, os YouTubers e influencers devem estar especialmente atentos à segurança de suas contas, adotando práticas como senhas fortes, autenticação de dois fatores e monitoramento regular de atividades suspeitas.

Em suma, fortalecer nossa defesa digital contra o crime cibernético requer uma abordagem multifacetada, envolvendo não apenas tecnologia avançada, mas também conscientização e práticas de segurança sólidas em todos os níveis.

Somente com esforços colaborativos e contínuos podemos enfrentar eficazmente as ameaças digitais em constante evolução e proteger nossos dados e ativos contra o crescente espectro de ataques cibernéticos.


Criado em 12/05/2024
Autor: Nestor Lana

Compartilhar

Outros artigos


Como funciona um ataque hacker do tipo phishing e como se defender ?

Ler artigo

PNWDOC: Uma Ferramenta Gratuita para Relatórios de PenTest com Automatização e Alta Qualidade de Documentação

Ler artigo

Fortalecendo sua defesa digital contra o crime cibernético em ataques de engenharia social

Ler artigo

Server Side Request Forgery (SSRF): Entendendo e Protegendo-se contra esse tipo de ataque

Ler artigo